CONSULTORIA para IMPLANTAÇÃO do PBQP-H do NÍVEL D ao A

O PBQP-H  é pré-requisito para as empresas construtoras aprovarem projetos junto à Caixa Econômica Federal (CEF) para participarem do programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) e necessário também para diversas linhas de financiamentos junto a Caixa Econômica Federal e outras instituições de crédito privadas.

Para as empresas construtoras participarem do programa MCMV e financiamentos é necessário além do 'geric', da CEF, que se tenha implantado e certificado no PBQP-H através da norma SIAC em pelo menos no nível D.

O serviço que oferecemos por meio deste site envolve a elaboração da documentação necessária e todo suporte para que a empresa consiga o nivel D do PBQP-H, de forma rápida (até 5 dias), eficiente e sem burocracias.

Trabalhamos neste sistema de forma on line, via e-mail e telefone.

Inscreva-se ou entre em Contato

Esta consultoria tem experiência de mais de 10 anos no PBQP-H, tendo atendido mais de 300 empresas em todo o Brasil, todas certificadas do nível D ao A.

É o maior e mais confiável site de consultorias nesse sistema.

Nosso diferencial desta consultoria é:

- Assistência 24h, mesmo após da entrega do serviço;
- Prazo de acordo com a necessidade do cliente;
- Garantia do nível D do PBQP-H;
- Qualidade do serviço;
- Confiabilidade das informações e no serviço;
- Atendimento Justo e Perfeito;
- Temos mais de 300 empresas atendidas em todo o território Brasileiro, todas certificadas pelo nosso sistema.

Sobre o programa



O PBQP-H, Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat, é um instrumento do Governo Federal para cumprimento dos compromissos firmados pelo Brasil quando da assinatura da Carta de Istambul (Conferência do Habitat II/1996). A sua meta é organizar o setor da construção civil em torno de duas questões principais: a melhoria da qualidade do habitat e a modernização produtiva.

A busca por esses objetivos envolve um conjunto de ações, entre as quais se destacam: avaliação da conformidade de empresas de serviços e obras, melhoria da qualidade de materiais, formação e requalificação de mão-de-obra, normalização técnica, capacitação de laboratórios, avaliação de tecnologias inovadoras, informação ao consumidor e promoção da comunicação entre os setores envolvidos. Dessa forma, espera-se o aumento da competitividade no setor, a melhoria da qualidade de produtos e serviços, a redução de custos e a otimização do uso dos recursos públicos. O objetivo, a longo prazo, é criar um ambiente de isonomia competitiva, que propicie soluções mais baratas e de melhor qualidade para a redução do déficit habitacional no país, atendendo, em especial, a produção habitacional de interesse social.

fonte: PBQP-H